A igreja prometida

No final dos anos 1950, uma das filhas do casal Juscelino e Sarah Kubitschek, a adolescente Márcia, contraiu tuberculose e ficou muito doente. Vários tratamentos foram tentados para fazê-la melhorar, mas nada dava certo. Foi então que o presidente de Portugal, Francisco Craveiro Lopes, que era amigo da família, sugeriu que dona Sarah fizesse uma promessa à Virgem de Fátima pela saúde da filha. E Márcia ficou completamente curada. O pagamento da promessa seria a construção de uma igreja em homenagem à santa na capital que estava sendo erguida. E foi aí que surgiu a Igreja Nossa Senhora de Fátima.

Construção da Igrejinha em 1957

A Igrejinha, como é popularmente conhecida, foi feita em apenas 100 dias e inaugurada em 26 de outubro de 1957 entre a 307 e a 308 Sul. Projetada por Oscar Niemeyer, tem o formato de um chapéu de freira e foi a primeira edificação do Plano Piloto, construída antes mesmo dos blocos das superquadras. Seu projeto paisagístico é de Roberto Burle Marx, enquanto as portas e azulejos foram criados pelo artista plástico Athos Bulcão.

Os azulejos da Igrejinha foram os primeiros de Athos Bulcão em Brasília.
Eles representam a Estrela da Natividade e a descida do Espírito Santo
Igrejinha já pronta, mas ainda sem os clássicos azulejos de Athos Bulcão

Coube ao pintor Alfredo Volpi fazer um afresco com motivos religiosos atrás do altar. Mas, em 2009, quando a igreja foi reformada, os técnicos constataram que era impossível recuperar essa pintura, que já estava bem degradada. Chamaram, então, o artista plástico Francisco Galeno, que executou uma nova arte mostrando Nossa ­Senhora sem rosto e com uma pipa no lugar das mãos. Essa representação causou muita confusão com os fiéis mais tradicionais, que entraram até na Justiça para impedir a obra. Mas, no fim das contas, venceu o bom senso e o painel está aí até hoje.

Afresco original de Alfredo Volpi
Arte de Francisco Galeno que substituiu o afresco original

A Igrejinha Nossa Senhora de Fátima é, atualmente, um dos pontos turísticos mais visitados da cidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s