A Superquadra Rio de Janeiro

Nos primeiros anos de Brasília, a resistência dos funcionários públicos do Rio de Janeiro em mudar-se para a nova capital ainda era grande. O governo tentava convencê-los de várias maneiras, a mais famosa (e rentável) era a “dobradinha”, salário em dobro recebido por todos que vinham para o Cerrado. A iniciativa privada também tinha seus truques. Um deles veio da Construtora Graça Couto, tradicional empresa carioca com grande atuação em Brasília: eles batizaram a 113 Sul de “Superquadra Rio de Janeiro”, termo que utilizaram em todas as ações de marketing para a venda de seus imóveis veiculadas entre 1960 e 1961.

Anúncio divulgando as obras em 1960: um pedaço do Rio de Janeiro em Brasília

O objetivo, claro, era atrair os cariocas que vinham para Brasília, tanto do serviço público, quanto empresários dos mais diversos segmentos. E a construtora foi além. Batizou todos os seus 11 prédios com nomes de bairros da Cidade Maravilhosa: Glória, Catete, Flamengo, Botafogo, Leme, Copacabana, Ipanema, Leblon, Gávea, Tijuca e Laranjeiras. A estratégia deu certo e as vendas foram um sucesso. Inclusive, muitos imóveis foram comprados pela Embaixada dos Estados Unidos para receber seus funcionários. 

Planta da quadra feita pela Construtora Graça Couto

Mas nada daquilo era permitido pelo plano urbanístico de Lucio Costa. De acordo com o criador do Plano Piloto, as quadras não teriam nomes e, sim, números de 2 a 16. Os blocos também seriam representados por números (só foram batizados com letras nos anos 70). Mas a ideia da Graça Couto pegou e os prédios da SQS 113 ficaram conhecidos pela designação dos bairros por muitos anos.

Com o passar do tempo, por decisão dos moradores, os edifícios Leblon e Ipanema foram rebatizados como Marquês de Tamandaré e Barão do Amazonas, nomes históricos da Marinha Brasileira. Os edifícios Glória, Catete, Copacabana, Flamengo abandonaram suas designações cariocas. O Botafogo só foi construído em 1978 com o nome de Varandas Sul. Já os edifícios Leme, Laranjeiras, Gávea e Tijuca continuam da mesma forma até hoje.

Os apartamentos da quadra têm de 1 a 5 quartos, medindo até 206m2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s